Insatisfação com o Governo vence “panelaço virtual” em batalha de hashtags durante a noite desta quarta

Monitoramento da Diretoria de Análise de Políticas Públicas da Fundação Getulio Vargas de mais de 20 hashtags utilizadas por perfis favoráveis ou de oposição a Jair Bolsonaro identificou 370 mil tuítes entre as 18h de quarta (18 de março) e as 02h de quinta (19) associados aos “panelaços” mobilizados por ambos os lados a partir das 20h em diferentes regiões do país;
As hashtags de engajamento contra o presidente geraram, no período, 220,5 mil tuítes, enquanto as menções pró-Bolsonaro acumularam 152,4 mil publicações;
A principal hashtag do movimento virtual crítico ao presidente foi #forabolsonaro (102,5 referências), seguida de perto pela variação #forabolsonaros (92,6 mil menções). Completa o TOP 3 a hashtag #panelaço18m (60,9 mil);
Entre os perfis pró-governo, a mobilização foi amplamente organizada a partir da hashtag #panelaçocontraaesquerda, que acumulou 126,5 mil tuítes. Foi volume superior a qualquer hashtag engajada pela oposição, mas bem à frente de qualquer outra entre as de apoio ao presidente: a segunda hashtag a favor de Bolsonaro com mais postagens foi #respeitem57milhoesdeeleitores, com apenas 15,4 mil referências;
Mais da metade dos 20 tuítes mais compartilhados no período com o uso de hashtags viralizaram a partir da divulgação de vídeos com imagens dos “panelaços” críticos ou favoráveis ao presidente, e 4% das menções associadas às hashtags citam a TV Globo;
Pico de hashtags negativas para Bolsonaro também foi bem maior: às 20h45m, com ápice de 2,2 mil novos tuítes/minuto. Perfis pró-governo obtiveram pico de maior relevância às 21h45, com média de 1,2 mil tuítes por minuto.
Por Sala de Democracia Digital | FGV DAPP

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *