Breno Garibalde: “A cidade continha crescendo de forma desordenada e a população é a maior prejudicada”

Na terça-feira, 5, o vereador Breno Garibalde subiu na tribuna da Câmara de Aracaju para levar ao parlamento as demandas da comunidade do Residencial Brisa Mar, na Aruana. No local, os moradores afirmam que estão entregues ao abandono e esquecidos pelo poder público.

“É uma comunidade engajada para resolver os problemas. Mas infelizmente, não tem sido ouvida pelo poder público. Lá, o que mais se vê são lagoas sendo aterradas, que estão recebendo dejetos despejados pelos condomínios mais recentes da região.

Lagoas onde os moradores pescavam, usavam como área de lazer, hoje estão contaminadas. Esgoto está sendo confundido com drenagem, isso precisa ser revisto. Os condomínios novos ligaram seus esgotos na rede antiga, que não suporta e toda vez que chove é um verdadeiro desastre. Peço que a Deso e a Prefeitura de Aracaju estejam mais atentas”, declara Breno.

Outra queixa recorrente da comunidade do local, é a falta de ônibus. Segundo relatos da população, os usuários do transporte público precisam andar quase um quilômetro para poder pegar um ônibus. “Por lá passa apenas a Linha 504, caindo aos pedaços e não acessa a maior parte das ruas do residencial”, afirma.

Breno ressalta que todos esses problemas são resultados da falta de um Plano Diretor revisado. “A população do local está crescendo de forma desenfreada e a infraestrutura está defasada. Se a cidade continuar crescendo desordenadamente, a população é prejudicada em serviços básicos como pavimentação, mobilidade, saúde e educação. A lógica de crescimento da cidade está errada e isso precisa ser revisto”, pontua o vereador.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *